pt Português
en Englishes Españolit Italianofr Françaissv Svenskada Danskde Deutschpt Portuguêspl Polskiro Românăsq Shqipam አማርኛar العربيةhy Հայերենaz Azərbaycan dilieu Euskarabe Беларуская моваbn বাংলাbs Bosanskibg Българскиca Catalàceb Cebuanony Chichewazh-CN 简体中文zh-TW 繁體中文co Corsuhr Hrvatskics Čeština‎nl Nederlandseo Esperantoet Eestitl Filipinofi Suomify Fryskgl Galegoaf Afrikaanska ქართულიel Ελληνικάgu ગુજરાતીht Kreyol ayisyenha Harshen Hausahaw Ōlelo Hawaiʻiiw עִבְרִיתhi हिन्दीhmn Hmonghu Magyaris Íslenskaig Igboid Bahasa Indonesiaga Gaeligeja 日本語jw Basa Jawakn ಕನ್ನಡkk Қазақ тіліkm ភាសាខ្មែរko 한국어ku كوردی‎ky Кыргызчаlo ພາສາລາວla Latinlv Latviešu valodalt Lietuvių kalbalb Lëtzebuergeschmk Македонски јазикmg Malagasyms Bahasa Melayuml മലയാളംmt Maltesemi Te Reo Māorimr मराठीmn Монголmy ဗမာစာne नेपालीno Norsk bokmålps پښتوfa فارسیpa ਪੰਜਾਬੀru Русскийsm Samoangd Gàidhligsr Српски језикst Sesothosn Shonasd سنڌيsi සිංහලsk Slovenčinasl Slovenščinaso Afsoomaalisu Basa Sundasw Kiswahilitg Тоҷикӣta தமிழ்te తెలుగుth ไทยtr Türkçeuk Українськаur اردوuz O‘zbekchavi Tiếng Việtcy Cymraegxh isiXhosayi יידישyo Yorùbázu Zulu

Trovoadas Quarta, 22 de Setembro: Análise


Nesta Quarta-feira uma depressão retrógrada (vinda de leste para oeste) aproxima-se, e se, durante a noite, irá provocar chuva intensa em Espanha, em especial na Costa Mediterrânica e Baleares, durante a tarde com a entrada de humidade mais para leste teremos também a formação de alguns núcleos convectivos em Portugal Continental

Antes de mais vejamos a simulação do modelo AROME (satélite) onde isso é perfeitamente visível

NOTA: Este modelo não cobre Portugal Continental por inteiro, por razões alheias à Luso Meteo


SINÓTICA

Ex-ciclone Odette é absorvido, reforçando o anticiclone na zona dos Açores, que em conjunto com um jet-stream forte a Norte força uma depressão a progredir de Leste para Oeste

Um cavado forma-se e deverá afetar Portugal Continental a partir da tarde

Um fluxo extremamente húmido com água precipitável extremamente elevada em Espanha propiciará chuvas localmente excessivas (Há modelos a simular valores absurdos e extremamente raros) pelo que é preciso atenção ao que poderá surgir

Deep-Layer-Shear relativamente baixo deverá impedir organização de células em sistemas convectivos, sendo de esperar apenas células isoladas (em Portugal Continental)

Os outros parâmetros de instabilidade também propiciam apenas chuva excessiva localmente a Sul dado a água precipitável elevada (PWAT) até 40mm

O CAPE moderado também deve impedir granizo\saraiva excessivamente grande, no entanto há sempre a possibilidade de localmente se registar algum episódio de saraiva

Fica a carta de previsão à superfície pelo modelo UKMO, assim como carta de água precipitável (IFS)

ANÁLISE DE SUPERFÍCIE (UK MetOffice)


ÁGUA PRECIPITÁVEL (PWAT)


PREVISÃO

Manhã com tempo limpo… Com o vento leste não deverá haver sequer neblinas, mas conte com muito vento que pode acarretar algum risco meteorológico (rajadas localmente 70+ km/h)

Depois o vento acalma mas começam a aparecer nuvens, e, pela tarde, pode contar com o seguinte

  • Aguaceiros dispersos, que devem começar pela região sul
  • Podem vir acompanhados de trovoada
  • Alguns núcleos de trovoada podem crescer o suficiente para produzir granizo\saraiva (Em especial em pontos montanhosos do interior algarvio)
  • Localmente pode chover muito e haver inundações pontuais
  • Também no restante interior podem surgir algumas situações de instabilidade com aguaceiros e alguma trovoada, mas tudo muito mais calmo, e disperso

No geral esta situação é claramente menos intensa, nesta Quarta, que a situação registada entre dias 13 e 15, mas ainda se esperam algumas situações de algum risco meteorológico

Em baixo fica a previsão de precipitação acumulada, que deve ser interpretada apenas como indicativo, porque é óbvio que localmente nestas situações chove mais que o previsto

Modelo ARPEGE


Fica ainda a previsão de CAPE, pelo mesmo modelo ARPEGE

Podemos notar que

  • CAPE mais significativo apenas na região sul, com valores até 1500J\Kg
  • Localmente especialmente nas montanhas do Interior Norte e Centro podem ocorrer aguaceiros dispersos, mas com baixos índices de instabilidade


Se considera as previsões\informações da Luso Meteo importantes, e lhe são úteis, e gostaria de ajudar com um donativo para a manutenção deste projeto pode fazê-lo através de

MBWay: 918260961

IBAN: PT50 0007 0000 0029 3216 7422 3

Muito obrigado!

Deixe uma resposta